Loader Logo Pauta
Fechar

Novidade no uso do traje típico na Oktoberfest de Igrejinha

17 de jun . 2019

O visitante que for à Oktoberfest de Igrejinha usando traje típico alemão vai receber, gratuitamente, tickets de bebidas. A novidade apresentada pela Associação de Amigos da Oktoberfest (Amifest), entidade organizadora, garante ao visitante com vestimenta em conformidade com as regras duas opções de bonificação: (1) quatro tickets de água/refrigerante ou (2) dois tickets de chopp e um de água/refrigerante (para maiores de 18 anos).

O traje masculino obrigatório exige o uso de calça ou bermuda típica, camisa social ou típica e sapato social ou sapatênis. São opcionais a meia típica ou polainas, colete, chapéu e suspensório. Para o traje feminino é exigido vestido típico, saia com blusa típica ou bermuda e blusa típica, com sapato social, sapatilha, sandália ou botina típica. São opcionais para elas o uso da tiara ou chapéu, avental e colete.

Com a novidade, o acesso ao parque acontece exclusivamente com a compra de ingresso – que pode ser adquirido a preço promocional até 15 de outubro. A nova regra para traje típicos não se aplica aos ingressos de meia entrada e horários de acesso gratuito ao Parque da Oktober. O visitante com as roupas alemãs terá uma entrada devidamente identificada, onde será realizada a conferência do ingresso e das regras do traje, visando a entrega dos tickets correspondentes para o consumo de bebidas.

O objetivo é privilegiar a segurança dos visitantes. Segundo o presidente da Amifest, Ezequiel Stein, a festa precisa seguir rígidas legislações de segurança e, também, trabalha com cuidado para assegurar aos visitantes a melhor experiência de consumo e diversão.

A Oktoberfest de Igrejinha tem a preocupação de perpetuar as tradições germânicas e realiza diversas ações neste sentido, como a recém criada Comissão de Germanização, que atua de forma mais incisiva em iniciativas voltadas à cultura alemã. Para Ezequiel Stein, o uso do traje típico é mais uma forma de valorização, “por isso nos organizamos para assegurar o cumprimento da legislação quanto à segurança e oferecer um benefício aos visitantes que se inspiram na cultura germânica e auxiliam na sua continuidade”, conclui.