Loader Logo Pauta
Fechar

Donnadina agora é certificada como pizzaria que produz a Vera Pizza Napoletana

18 de fev . 2020

Privilégio para poucas, agora a Donnadina Pizzeria Napoletana, de Canela, é oficialmente certificada pela Associazione Verace Pizza Napoletana (AVPN) como produtora da Vera Pizza Napoletana.  A cerimônia de entrega do título aconteceu na noite deste domingo, 16, e contou com a presença do diretor-geral da AVPN, o italiano Stefano Auricchio, e do delegado da AVPN no Brasil, André Nevoso Guidon. Peterson Secco, sócio e idealizador da Donnadina, fez questão de lembrar a equipe de trabalho. “Não posso esquecer daquela turma que está lá dentro. Esse título não valeria nada se eles não estivessem aqui para encarar todos os desafios, todas as coisas que estamos fazendo”, agradeceu. 

A Donnadia detém a placa de número 815, o que significa dizer que é a octingentésima décima quinta pizzaria no mundo inteiro a receber o reconhecimento.  Título raro, no Brasil apenas 15 pizzarias são certificadas pela AVPN. Com mais de 14 milhões de habitantes, São Paulo tem três pizzarias com o selo. Porto alegre, duas. Canela, um município de cerca de 40 mil habitantes, agora comemora a segunda casa certificada. A Abbiamo Fatto, também sob o comando de Secco, foi a primeira pizzaria canelense a conquistar a honraria. O vice-prefeito de Canela, Gilberto Cezar, prestigiou a noite. 

A solenidade aconteceu durante a Pizza Sunset. O evento, que passará a acontecer mensalmente, propõe outro formato. Neste dia, o valor de ingresso é fixo e o público conta com open bar de chopp e pizza servida direto do forno à lenha a todo o momento. A música fica por conta do DJ, que neste domingo esteve sob o comando da disputada Michele Wender. 

Segunda feira de aprendizado
A segunda-feira, 17, começou movimentada na Donnadina Pizzeria Napoletana. Aproveitando a presença do Stefano Auricchio no Brasil, um seminário sobre as características da verdadeira pizza napoletana foi ministrado por ele e por André Guidon para um grupo de empresários do ramo oriundos de cerca de  15 cidades do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, entre elas Taquara, Três Coroas, Novo Hamburgo, Igrejinha, Porto Alegre, Carazinho, Canela, Gramado, Rio Grande, Chapecó e Criciúma, entre outras. A plateia acompanhou atenta às orientações para elaboração da massa, proporção de ingredientes da cobertura e condições ideias do forno.  O prefeito de Canela Constantino Orsolin prestigiou a abertura do seminário e fez questão de enaltecer a importância dos empreendimentos de Peterson Secco para o município. “Esse menino não tem ideia da referência que é para Canela, para o Brasil e para o mundo”, enalteceu Orsolin.